O guia completo do EDR (Endpoint Detection and Response)

Uma tecnologia como o Endpoint Detection e Response (EDR) pode ser inestimável para empresas ou provedores de serviços gerenciados (MSPs), mas com uma ferramenta tão poderosa, há muitas perguntas que precisam ser respondidas para entender como funciona, contra o que protege e os benefícios que pode oferecer.


O que é EDR?


Endpoint Detection e Response (EDR) é uma abordagem proativa à segurança que monitora endpoints em tempo real e caça ameaças que se infiltraram nas defesas de uma empresa.


É uma tecnologia emergente que oferece maior visibilidade do que está acontecendo nos terminais, fornecendo contexto e informações detalhadas sobre os ataques.


Os serviços EDR permitem que você saiba se e quando um invasor está em sua rede e detecte o caminho do ataque, se ele acontecer, ajudando a responder a incidentes em tempo recorde.


Por que o EDR é importante?


Devido ao grande número de endpoints em um determinado sistema, é cada vez mais difícil se proteger de ataques avançados que entram por meio de endpoints, como computadores individuais ou dispositivos móveis.


Muitas vezes, é aqui que ocorre a atividade do hacker e, mesmo com a proteção mais avançada, uma violação ainda pode ocorrer. De acordo com um relatório do IDC (International Data Corporation), 70% das violações bem-sucedidas começam em dispositivos endpoint.


Esses tipos de ataques podem ser prejudiciais devido à perda de reputação ou ruína financeira. As informações do cliente e a segurança da rede devem ser protegidas, mas a maioria das pequenas e médias empresas não tem recursos para monitoramento 24 horas por dia, 7 dias por semana, pois fica cada vez mais difícil resistir a esses tipos de ataques.


Empresas de todos os tamanhos precisam proteger seus dados e ter maior visibilidade em ameaças avançadas - tudo de maneira econômica. Uma solução EDR pode fazer exatamente isso.





Como funciona o EDR?


Depois que a tecnologia EDR é instalada, ela usa algoritmos avançados para analisar o comportamento de usuários individuais em seu sistema, permitindo que ele se lembre e conecte suas atividades.


Da mesma forma que você costuma notar quando algo parece estranho ou diferente em alguém próximo, a tecnologia pode “sentir” um comportamento fora do comum para um determinado usuário em seu sistema.


Os dados são imediatamente filtrados, enriquecidos e monitorados em busca de sinais de comportamento malicioso. Esses sinais acionam um alarme e a investigação começa, determinando se um acerto é verdadeiro ou falso positivo.


Se a atividade maliciosa for detectada, os algoritmos rastreiam o caminho do ataque e o constroem de volta ao ponto de entrada. A tecnologia, então, consolida todos os pontos de dados em categorias estreitas chamadas MalOps TM (Operações maliciosas) para facilitar a revisão dos analistas.


No caso de um verdadeiro acerto, o cliente é notificado e recebe etapas de resposta acionáveis ​​e recomendações para investigação adicional e perícia forense avançada. Se for um falso positivo, o alarme é fechado, as notas de investigação são adicionadas e os clientes não são notificados.


Que tipo de ameaças o EDR detecta?


O EDR protege contra malware sem arquivo, scripts maliciosos ou credenciais de usuário roubadas. Ele é projetado para rastrear as técnicas, táticas e procedimentos usados ​​por um invasor. Mas vai ainda mais fundo.


Ele não apenas aprende como os invasores invadem sua rede, mas também detecta seu caminho de atividade: como eles aprendem sobre sua rede, se movem para outras máquinas e tentam realizar seus objetivos no ataque. Você está protegido contra:

  • Malware (crimeware, ransomware, etc.)

  • Ataques sem arquivo

  • Uso indevido de aplicativos legítimos

  • Atividade e comportamento suspeitos do usuário

Que informações o EDR coleta?


A detecção e resposta de endpoint é executada por meio de sensores instalados em seus endpoints - não é necessário reinicializar. Todos esses dados são reunidos para construir uma imagem completa da atividade do terminal, não importa onde o dispositivo esteja localizado.





Por que o EDR é melhor do que os métodos tradicionais de análise pós-violação?


À medida que os invasores se tornam mais habilidosos e ajustam seus métodos à tecnologia atual, os métodos tradicionais de análise pós-violação não são mais suficientes. O primeiro é o tempo de resposta.


Os métodos tradicionais exigem um tempo prolongado para uma investigação - enquanto o invasor pode estar causando mais danos à sua rede e colocando seus clientes e dados em risco.


Os métodos tradicionais também são limitados pela profundidade das informações e amplitude da investigação. Mesmo que eles sejam capazes de determinar as áreas afetadas, os métodos tradicionais normalmente não conseguem mostrar onde o ataque entrou e o caminho que ele percorreu.


O EDR permite que você saiba quando ocorreu um ataque, mas também compila os dados comportamentais para mostrar o caminho do ataque em sua rede, de onde ele entrou até as ações que realizou.


Além disso, o EDR compila os dados de maneira que seja mais fácil para os analistas revisarem, reduzindo significativamente a quantidade de dados a serem analisados. Isso, por sua vez, reduz o tempo e o custo geral da análise pós-violação.


Benefícios adicionais de EDR


A natureza inovadora e eficaz do EDR por si só prova seu valor, mas há benefícios adicionais que vão ainda mais fundo do que a tecnologia.


  • Mais econômico. Em vez de contratar uma equipe de segurança interna 24 horas por dia, 7 dias por semana ou deixar-se vulnerável a um ataque em grande escala, o EDR permite que você invista na segurança de sua empresa e nos dados de uma forma realista para uma equipe de pequeno a médio porte .

  • Poupa tempo. Como há menos alertas para analisar com o MalOps TM e menos falsos positivos, o EDR permite que os analistas gastem mais tempo investigando ameaças legítimas.

  • Maior eficiência da equipe. Em vez de analisar alertas e compará-los a outros pontos de dados, o EDR correlaciona os pontos de dados em uma única história, economizando aos analistas uma enorme quantidade de overhead e tempo. Isso permite que a equipe processe os dados com mais eficiência e proteja a empresa.

O impacto do EDR


Em última análise, o EDR pode ter um impacto dramático em empresas de pequeno e médio porte e na proteção e segurança que podem fornecer para seus negócios, clientes e dados.


À medida que a inteligência dos hackers continua a crescer , as empresas correm cada vez mais riscos. Há muito em jogo para não ter um plano de detecção e resposta de endpoint em vigor.


Gostou do conteúdo? Ficou interessado em saber mais sobre o assunto? Leia também sobre os 8 maiores ataques de ransomware de 2021 e entenda como funciona a logística de cibercriminosos!

451 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo